Biografia do Cachorro Grande

 
Cachorro Grande é uma banda brasileira, com influências da chamada Invasão Britânica, formada em 1999 na cidade de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

Sua formação original teve uma mudança em 2005. Logo após a gravação do Acústico MTV Bandas Gaúchas, o baixista Jerônimo Lima, o “Bocudo”, saiu da banda (formando com outros músicos a banda Locomotores) e em seu lugar entrou Rodolfo Krieger, que até então era vocalista e guitarrista da banda Os Efervescentes. Hoje a banda conta com os integrantes Beto Bruno (voz), Marcelo Gross (guitarra e vocais), Gabriel “Boizinho” Azambuja (bateria), Pedro Pelotas(piano), Rodolfo Krieger (baixo e vocais).


Ao lançar o terceiro disco, Pista livre, a Cachorro Grande fez com que o rock gaúcho ressurgisse na mídia nacional, com aparições em programas de televisão, como no Show da virada de 2005 para 2006 da Rede Globo; no programa Altas Horas, onde tocaram “Você Não Sabe o que Perdeu”, e “Desentoa”; e em grandes eventos, entre eles o festival Claro que é Rock e a festa do VMB, da MTV, onde tocaram ao vivo Você Não Sabe o que Perdeu, além de uma turnê nacional, e um show na Argentina.

Durante alguns bons anos, a Cachorro era “proprietária” da Fun House (cujo nome foi inspirado no disco homônimo dos The Stooges), um velho casarão “mal-assombrado” ao lado do point mais cult para shows de Porto Alegre, a Garagem Hermética, e a alguns metros do Bar Bambus. Em 2006, o sucesso da banda se consolidou com a canção Sinceramente, uma balada romântica.

Em 2007, a banda lançou o quarto álbum de estúdio, chamado “Todos Os Tempos”. O disco tem 12 canções e o primeiro single é “Você me Faz Continuar” que também abre o disco.


 
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário