5 mitos sobre o Google

5. O Google não ganha dinheiro

O Google oferece um número absurdo de serviços online. Há o mecanismo de busca Google, o Gmail, o Google Maps, o Google Earth, o Google News, o Google Talk, o Google Docs e o Google Calendar, apenas para arranhar a superfície do leque de produtos e serviços oferecidos pela empresa. E há sites populares comprados pelo Google, como o YouTube, o Picasa e o Blogger. Todos esses serviços são totalmente gratuitos.

Então, como o Google ganha dnheiro? Ele ganha dinheiro, afinal? Desde a estreia do Google, um boato persistente afirma que a companhia não tem modelo de negócios definido e, como consequência, não tem lucro algum. Esse é um mito seriamente equivocado.

Em 2008, o Google fez cerca de US$ 22 bilhões [fonte: Google]. Noventa e sete porcento da receita da companhia vem da publicidade. Como eles conseguem isso? O Google desenvolveu dois modelos de publicidade online altamente lucrativos: o Google AdWords e o Google AdSense.

AdWords são anúncios que aparecem durante as buscas no Google acima e ao lado dos principais resultados de busca. Eles são classificados como "Sponsored Links" (ou Links patrocinados). Anunciantes podem usar o AdWords para escrever anúncios de texto curto e identificá-los com palavras-chaves. O Google então usa algoritmos complicados para encontrar os anúncios mais relevantes para certas buscas no Google.

O anunciante não paga o Google a cada vez que seu anúncio é exibido, mas só quando o internauta clica no anúncio. Os custos da taxa de cliques podem ser tão baixos quanto 10 centavos de dólar, por isso esse tipo de anúncio não chega a ser um investimento muito caro para os anunciantes. Mas para o Google, todos esses centavos fazem, juntos, um dinheirão.

O AdSense funciona de maneira similar, mas os anúncios de texto aparecem em sites fora do Google. Se você tem um website e quer ganhar um pouco de dinheiro com publicidade, você podem usar o AdSense. O Google usa seus algorítmos para mostrar anúncios pertinentes aos visitantes do site. Cada vez que um visitante clica em um anúncio, o anunciante paga ao Google US$ 0,10 ou US$ 20, dependendo da popularidade de uma palavra-chave específica. O Google então dá a você, o dono do site, uma pequena parcela desse dinheiro.

Tenha em mente que toda essa renda não é puro lucro: Depois de um ano de perdas de investimentos e crise econômica geral, o Google teve um lucro de US$ 4 bilhões em 2008. No último trimestre de 2008, contudo, o Google experimentou sua primeira queda nos lucros trimestrais [fonte: Liedtkel].
Mais informações »
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

3 comentários

Clique aqui para comentários
Obrigado pelo seu comentário